Alvaro defende Aécio no “xilindró”

O senador Alvaro Dias (Podemos) decidiu vingar-se do ex-correligionário de ninho, o também senador Aécio Neves (PSDB-MG), ao defender que a decisão de afastamento do tucano está correta.

Após a ascensão de Aécio no PSDB, Alvaro passou a ser hostilizado no ninho e, por isso, ele migrou para o PV antes de aportar-se no Podemos.

“Não vamos discutir agora a questão legal, mas do nosso ponto de vista, creio que a decisão do STF tem guarida na legislação vigente”, disse Alvaro.

Por linhas tortas, a posição do presidenciável do Podemos é pela manutenção do afastamento de Aécio e do “xilindró” domiciliar.

Entretanto, Alvaro ressalva que “cabe ao Senado discutir apenas quando dá prisão”, trocando miúdos, quando o parlamentar vai parar atrás das grades como ocorreu com o ex-senador Delcídio do Amaral.

Após a ascensão de Aécio no PSDB, Alvaro passou a ser hostilizado no ninho e, por isso, ele migrou para o PV antes de aportar-se no Podemos.

“Não vamos discutir agora a questão legal, mas do nosso ponto de vista, creio que a decisão do STF tem guarida na legislação vigente”, disse Alvaro.

Por linhas tortas, a posição do presidenciável do Podemos é pela manutenção do afastamento de Aécio e do “xilindró” domiciliar.

Entretanto, Alvaro ressalva que “cabe ao Senado discutir apenas quando dá prisão”, trocando miúdos, quando o parlamentar vai parar atrás das grades como ocorreu com o ex-senador Delcídio do Amaral.

Na próxima terça-feira, dia 3 de outubro, o Senado votará o pedido de autorização do STF para punir Aécio Neves. A tendência é que o plenário da Casa rejeite a solicitação, caso a corte não recue até lá.

https://www.esmaelmorais.com.br

Comentários pelo Facebook