JANOT DECIDE NÃO IR À POSSE DE RAQUEL DODGE. DENUNCIADO, TEMER VAI

A posse de Raquel Dodge na procuradoria-geral da República, nesta segunda-feira, não terá a presença de Rodrigo Janot, que considerou o convite pessoal; denunciado por corrupção, obstrução judicial e comando de quadrilha, Temer estará presente

Brasília 247 – A posse de Raquel Dodge na procuradoria-geral da República, nesta segunda-feira, não terá a presença de Rodrigo Janot, que considerou o convite impessoal.

Denunciado por corrupção, obstrução judicial e comando de quadrilha, Temer estará presente, segundo informa Jefferson Ribeiro:

O procurador-geral da República Rodrigo Janot decidiu não comparecer à posse de sua sucessora Raquel Dodge, marcada para a manhã desta segunda-feira. Ele considerou uma descortesia ter sido convidado apenas por e-mail. Segundo disse a interlocutores, a mensagem era impessoal e assinada pelo Ministério Publico Federal. A cerimônia contará com a presença do presidente Michel Temer. Quando Janot assumiu, em 2013, seu antecessor Roberto Gurgel, foi à posse.

https://www.brasil247.com

Comentários pelo Facebook